326. Blackberries e cães: algo em comum?