235. Tefilá: um direito de todos!